ASSISTI NO CINEMA: LOGAN

15:59 1 Comments A+ a-


TÍTULO ORIGINAL: Logan
SINOPSE: Em 2029, Logan (Hugh Jackman) ganha a vida como chofer de limousine para cuidar do nonagenário Charles Xavier (Patrick Stewart). Debilitado fisicamente e esgotado emocionalmente, ele é procurado por Gabriela (Elizabeth Rodriguez), uma mexicana que precisa da ajuda do ex-X-Men para defender a pequena Laura Kinney / X-23 (Dafne Keen). Ao mesmo tempo em que se recusa a voltar à ativa, Logan é perseguido pelo mercenário Donald Pierce (Boyd Holbrook), interessado na menina.
GÊNERO: Ação, Ficção científica, Aventura
DIREÇÃO: James Mangold
ELENCO: Hugh Jackman, Patrick Stewart, Dafne Keen, Boyd Holbrook
CLASSIFICAÇÃO: Não recomendado para menores de 16 anos (e não é atoa isso! Tinham crianças gritando e chorando em uma sessão que eu fui)

Vamos falar daquele filme que todos aguardaram ansiosamente, feito crianças esperando os presentes de natal na véspera do dia 25. Já faz mais de uma semana que assisti ao filme pela segunda vez, mas nunca é tarde para falar de Logan

Logan nos fala sobre... Logan. Em um futuro não tão distante, mas não tão próximo também (talvez um pouco), nosso amiguinho Logan está velho e ocupa as horas do seus dias e noites como motorista de limusine. Uma vida que logo de cara você percebe: é deprimente. Mas como se não fosse deprimente o suficiente, ainda nos deparamos com um Chales Xavier ainda mais velho e enfrentando alguns problemas de saúde. Eis que surge um serviço para Logan, um serviço que ele recusa diversas vezes, até ser vencido pela insistência (lê-se dinheiro) e acaba indo amarrar o seu burro no lugar errado. 

Esse foi o último filme de Hugh Jacksman no papel do Wolverine, uma coisa que vem sendo tão comentada, que chega a ser redundante eu dizer também, mas bem... É a última vez que Hugh vai nos agraciar com a sua atuação como Wolverine. Eu teria ficado realmente chateada se essa despedida terminasse com o sentimento de tempo perdido que o segundo filme do Wolverine deixa (é sério, foi um sacrifício chegar até o final, mas não costumo largar filmes pela metade). Porém fomos surpreendidos por um filme de respeito, aquele que ao terminar e os créditos subirem, você está lavado em lágrimas e aplaudindo.

O filme segue com muita pancadaria, sangue, coisas e pessoas sendo cortadas, palavrões e até mesmo histórias em quadrinhos dão as caras.


Agora vamos à um parágrafo de apreciação, porque a X-23 (ou Laura) merece um parágrafo só seu. O QUE FOI ESSA MENINA?! A pequena Dafne estava de matar, se é que você me entende. Laura cria uma ligação fofíssima com Charles. Desde o começo o professor comenta sobre um novo mutante, coisa que Logan pensa não passar de balela, já que tem anos que não nasce um mutante se quer, eis que chega a nossa Laura mostrando para o que veio: SER DESTRUIDORA!

E para os fãs de road trips, Logan nos leva do sul dos EUA até Dakota do Norte, numa viagem alucinante tendo que correr de uma galera nada legal, que estão loucos atrás da nossa X-23. É uma viagem de descoberta, uma viagem onde Logan tem a oportunidade de conhecer melhor Laura, onde Charles tem a chance de finalmente trazer um pouco de dignidade a vida sofrida que vinha levando. Como diria locutor da Sessão da Tarde, é uma viagem que promete muitas confusões. 

Portanto, não perca a oportunidade de conferir a última aparição de Hugh na pele de Wolverine (e a de Patrick como Charles, mas eu ainda tenho esperanças apareça em Legion, por favor!) e o surgimento de uma nova mutante maravilhosamente bem interpreta pela Dafne.

Não sei se choro ou se sorrio... 

Metacritic: 77/100 | Rotten Tomatoes: 92% | IMDB: 8,6/10


1 comentários:

Write comentários
5 de abril de 2017 11:38 delete

Eu demorei semanas pra escrever sobre e ainda não sei como lidar com esse filme. Sério, foi algo que me tocou muito. Adorei Gabe! ♥

Reply
avatar

O que dizer dessa pessoa que está escrevendo um comentário? TE CONSIDERO PAKAS!